Viúva Sem Vergonha Com o Marido da Vizinha

Nossa já é final de mês, estava arrumando as contas para efetuar pagamentos, mas tirei um tempinho para ver vocês, contar novidades.

Sexshop

Gente reservei uma pegada bem picante da vizinha Rosana, a viúva que tem um caso com o vizinho casado. Ela já liberou o meu” voyeurnismo” ou seja de ver seus encontros com Nascimento, na realidade ela se excita mais tendo plateia.

Já lembraram? Rosana a viúvona que trabalha no Shopping, que aliás já contei dois fato dela com Nascimento. Então quando a esposa de nascimento sai para trabalhar ele sempre encontra com a viúva, estão viciados na safadeza do sexo.

Disk Sexo

Estava assistindo TV junto com Vivi outra vizinha, quando vimos ele passando, olhamos pelo muro e vimos ele entrando com cautela na casa de Rosana. Nos olhamos eu e Vivi e nos arrumamos para assistir o espetáculo ao vivo de sexo bem erotizado.

Ela esta na varanda, de roupão… sentimos seu perfume envolvente e inebriante. Assim que ele adentra a safadinha enlaça-o com sutileza, se roça nele e o abraça beijando-o ardentemente. Pessoal, nada como um caso extra conjugal para o homem ser um macho de primeira, principalmente com uma rameira, rameira sim, afinal trepa com homem casado.

Ela abre o roupão… oferece os peitões alisando os bicões … mordendo os lábios carnudos de cor rubra … gemendo jogando os cabelos de cachos ondulados, digam se não é irresistível?

Ele se curva e chupa os peitões da cadelinha de mamilos rosados … chupa… mordica … lambe … suga , ela solta suspiros e segura a pica do amante por cima da bermuda … ele cerra os olhos e maltrata os peitões deixando-os avermelhados e babados … suga mamando um apertando outro com ela urrando… gemendo, uma verdadeira cadelinha no cio e goooza.

Ele vai chupando apetitosamente e murmura.

-“Cadelinha fogosa.”

Vai aperta o mamilo com os lábios abocanhou-o todo… gemidos altos … ele gaúcho safado vai alternadamente as mamadas nos mamilos … ela escrota e excitada num ato de misericórdia abre o restante do roupão.

Pasmem! O gauchão aperta a pica e ela se vira de costas e deixa o roupão” caiir” lentamente … entra rebolando o corpão deixando o homem azedo. O que resta? Simplesmente segui-la e entram.

Mudamos de posição do muro, vamos para em frente do quarto dela. Eles estão agarrados, ele apertando os peitões da cadela.

A descarada sabe que estamos vendo, o senta na cama e de costas ameaça tirar a calcinha preta que na pele branca realça e a deixa na metade do bumbum, murmura.

– “Mozinho sei que gosta de tirar, minha calcinha, está apertando a priquita, tire meu anjo.”

Gente! Que homem ligeiro, apressa-se tira a calcinha, roçando seu rosto no bundão da safada, alisa o bumbum com a marca do tecido e cheira a bunda da viúva. Ela rosna como uma cadela e ela excitado aperta todo o patrimônio da viúvona.

Ele a vira e Rosana levanta a perna colocando-a na cama, ele próximo do “xibiu” ou boceta, ou xoxota como queiram e chuuupa … passando a língua na xoxota de bigodinho no meio … Nascimento se delícia com o priquitão da cadela que goza e dele engole o melzinho.

Só de contar me excito,mas, continuando. Sabem o que acontece meus leitores? Imaginem! Pois é, vou detalhar. Ela senta atravessada nas suas pernas e ele esfomeado abocanha os peitões da cadela, que geme… geme… sufocada com o desejo e escandalosa por natureza.

Nossa”eita” viuvinha do sangue quente, com apetite voraz de extrema sensualidade. Se debate, se debate, se debate com ele mamando mamando puxando os mamilos fortemente, e ela serperteando no colo do adúltero. Rosana rosna… como uma fêmea no cio gemendo gemendo e goza desfalecida.

Gente eles teem sincronismo no sexo. Apressado ele a vira na cama sentada, tira a rola da bermuda e coloca na boca da “escrota.” Ela o segura e chupa … chupa mamando na rolona do cínico. Ela o olha safadamente e se esmera na chupada e abocanha gulosamente e lambe como se fosse guloseima … com perícia. Ele tem sangue quente e se afasta, murmura.

– “Que bundão que me enlouquece, coloque amor pra cima que vou lhe comer.”

Ela sorri, se apressa, se acomoda nos largos travesseiros e ele vem cola no traseiro dela e enfia um dedo no seu cuzinho, cheira seu pescoço e murmura.

– “Cuzinho bom me meter, de comer, apertadinho.”

Ela sorri e ele fica segurando os peitões da cadela e se ajeita e … peneeetra … ela estremece os peitões balançam, ele mete… mete… mete… e cadência, movimento galopante dos dois com ela sendo surrada na boceta pelo pau do amante.

A cadelinha geme e segue rosnando na pica do gaúcho que a come manso, ele goooza. Ofegante a cachorra se refaz e abre a bundona e oferece o cuzinho.

– “Mete anjo, mete no meu cuzinho, come meu cuzinho.”

Pasmem! Ele se apressa e tira da xota e mete de vez no cuzinho da cachorrinha. Pasmem ! Pensam que ela sentiu? Que nada, o seu prazer só é completo se dar o anus, ela já confessou que gosta.

A pilantra só esboçou alguns “aí ” “aí” “aí” e gemendo e rebolando o bundão, ele a come vendo o traseiro da viúvona rebolando no pau do vadio. Ela balança a cabeça jogando os cabelos e murmura.

– “Meu prazer é dar o cuzinho, e … e …e … você come do jeito que gosto.”
– “Cachorra você da pra todos, safada”

– “Não não, só você amor.”
– “Agora que estou aqui.”

Ele dar umas leves palmadas na bunda e a segura pela cintura, e segue metendo… metendo e ela goza, escandalosamente, mas pede para continuar e vai … vai … dando… dando e gozam.

Ele se apressa e se limpa e saí. Nos descemos e fomos fazer um lanche, e levamos para ela. A safada comentou sobre ele.

– “Ah! Ele é minha perdição, esse homem me enlouquece… “

Sexo por Telefone

2 Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.