Libidgel

Transando com a minha noiva no banheiro

Me chamo Mateus e tenho 26 anos! Hoje irei falar sobre a noite que proporcionei a minha noiva. Denise é o nome dela! Uma morena muito linda de cabelos longos e uma boca maravilhosa, que me deixa louco de tesão toda vez que a beijo.
Pois bem! Vamos lá!
Ontem ela completou 26 anos, então tive a ideia de bolar um plano, onde após meu serviço fui para sua casa sem avisar. Como estamos reformando a casa para morarmos juntos, encomendei apenas um bolinho com a minha mãe e pedi para que ela depois levasse para a casa da minha noiva, pois a avó dela estaria lá para receber.

Lembro que o dia passou voando, onde fui direto para a casa da minha noiva. Lá pelas 22: 15 cheguei em sua casa, esperando ansiosamente por ela. Não demorou para ela chegar, tomando um baita susto com a nossa presença.
Emocionada com a supresa, minha noiva foi logo abraçando a avó dela, me dando um beijo, em seguida e dizendo;
Nossa! Eu nem desconfiei de nada! Jamais imaginei que chegaria aqui e teria essa surpresa.
Depois disto comemos o bolinho e ficamos conversando na cozinha, perdendo a noção da hora.
Por estar tarde, a avó da minha noiva foi dormir, deixando a gente sozinhos na cozinha.
Denise rapidamente sentou em meu colo, me enchendo de beijos e carinhos, agradecendo-me pela noite. Entre um beijo e outro o clima foi esquentando. Propus a ela que fossemos tomar banho juntos. Obviamente Denise aceitou. Já dentro do banheiro tirei sua blusinha e seu sutiã preto. Logo em seguida abri o zíper da sua calça jeans, descendo ela aos poucos, a deixando somente com a sua calcinha roxa de renda.
Só de vê-la de calcinha meu pau endureceu, formando um enorme volume na calça.
O que eu menos queria naquele momento era tomar banho, onde rapidamente tratei de tirar toda a minha roupa, sendo no vaso sanitário em seguida, colocando minha noiva sentada em meu colo.
Minhas mãos segurando seu bumbum, enquanto nos beijávamos intensamente. Minha noiva safada como é , meteu a mão no meu pau e começou a bater uma punheta bem devagarinho, deixando ele ainda mais duro.
Logicamente eu já fui enfiando minha mão por dentro da tua calcinha, alisando sua bucetinha lisinha.

Aiii! Isso! Hunnnn! Come minha bucetinha! Come! Sussurrou minha noiva.

Aquele pedido me deixou ainda mais excitado, fazendo me puxar sua calcinha de lado, colocando ela para sentar em meu pau.
Apoiada em meus pescoço ela começou a rebolar no meu pau bem gostoso, gemendo baixinho no meu ouvido.
A gente nunca tinha transado no banheiro, ainda mais com a avó dela dormindo no quarto ao lado.
Como não podíamos demorar eu fui aumentando a bombada, tampando a boca da minha noiva para ela não gemer.
Sua bucetinha quente deslizando meu pau estava tão maravilhoso que eu a levantei do meu colo e a colocarei de bunda virada para mim, colocando sua mão apoiada na tampa do vaso, enquanto ela de bunda empinada para mim, sentia minha mão segurando seu enorme cabelo preto, empurrando de uma vez só meu pau todo nela.
Minha noiva gemia como louca, ainda mais quando eu puxava seu cabelo para trás, bombando ela com força.
Bom! Ficamos assim por uns 10 minutos, até que eu não aguentei mais o tesão, e gozei gostoso dentro dela.
Depois disto entramos no boxe e tomamos no banho juntos, onde aproveitei para fazer uma pequena massagem nela. Até a próxima!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.