A surpresa do padrasto da minha namorada

Como ja disse em contos anteriores me chamo Richard, tenho 25 anos e namoro a 3 anos com a Laura de 25 anos, uma branquinha, de cabelos pretos, uma bunda gostosa, e seios médios. Na semana passada flagrei ela na cama com seu padrasto e de la pra cá ele tem sido seu amante fixo.

LibidGel

Um dia desses eu estava trabalhando, ja estava perto do horário de eu sair quando recebo a ligação da minha namorada.

Ela: oi amor… vem aqui em casa, se nao você vai perder a festinha

Eu: oque ta rolando aí?…

Sexshop

Ela: você sabe amor… meu padrasto doido pra socar o pauzao dele em mim, e eu estou doida querendo ser arrombada por ele, e ele disse que hoje tem uma surpresa pra mim… vem pra ca logo corninho pra voce assistir rs..

Nao pensei duas vezes, bati meu ponto e fui correndo pra casa dela. Cheguei la ela ja tinha deixado a porta aberta, fui entrando e quando cheguei em seu quatro encontro o Ricardo com seu cacete duro deitado na cama, mas nao vejo minha namorada. Ouço apenas o barulho do chuveiro, Ricardo me diz que laura acabou de entrar no banho.

Ele me pegou forte pelo braço e disse: vem corninho viado, pega aqui na minha vara enquanto a putinha da tua namorada ta no banho resolvendo outra coisa…

Fiquei meio confuso e tentei me soltar mas ele me segurou forçando minha mão ate tocar em seu cacete duro, me fez masturba-lo.

Ele: vai putinha, chupa meu cacete igual sua namorada faz…

Eu nao bem sabia oque fazer, mas continuei so masturbando ele

Ele: chupa logo corninho, aquele dia tenho certeza que você queria dar uma mamada no meu cacete. no fundo todo corno manso é viado…

Eu nao dizia nada pensava no que ele queria dizer quando falou que ela estava resolvendo algo no banho, e masturbava levemente ele. Ele entao me agarrou o cabelo e me fez abaixa e começou a bater com o cacete dele na minha cara e disse: toma pirocada na cara otário… vai me mamar enquanto nossa putinha ta se divertindo no chuveiro….

Quando ele disse que ela estava se divertindo no chuveiro eu estranhei e pensei porque ela estaria se divertindo no chuveiro? … Sem dizer nada eu me levantei e corri ate o banheiro, quando cheguei la estava minha namorada ajoelhada dentro do box mamando a vara enorme do irmão do padrasto dela. O irmão do padrasto dela se chama vagner, é um negão de 1,90 de altura, fortão, seu cacete era maior e mais grosso que o do Ricardo.. mal cabia na boquinha da Laura.

Ela me olhou e disse: olha amor a nossa surpresa… padrasto trouxe outra rola preta pra mim… e olha o tamanho dessa… é muito grande, será que eu aguento?…

Eu: caralha amor… ate o irmão do Ricardo? O combinado era o lance ser só com o Ricardo… esse cara vai te arrepentar…

Ela: ai amor, nao é culpa minha, o Ricardo que trouxe ela aqui.. e voce sabe como eu to viciada em pica preta rs..

Ela se levantou, eles se secaram e foram pra cama. Ja na cama ela ficou de quatro, vagner se sentou na frete dela e ela começou a mamar seu cacete denovo e ela pediu pro padrasto meter nela.

Ela: vem padrasto, fode minha bucetinha…

O padrasto dela encaixou o cacete na buceta dela e começou a socar nela. Eu tirei minha roupa e fiquei ali so batendo punheta e vendo minha namorada gemendo como uma puta enquanto era fudida pelo seu padrasto e mamava o vagner.

Ela: isso padrasto, soca desgraçado.. me fode na frente do corninho…

Laura em pouco tempo gozou sendo fudida por seu padrasto, e vagner pede pra fuder a buceta dela também. Entao vagner e Ricardo trocam de lugar..

Ela: tio Vagner coloca devagar por favor, seu cacete é muito grosso, deixa minha pepeca se acostumar com ele primeiro..

Vagner: ta bom sobrinha, pode deixar que vou começar com carinho.. nossa que bucetinha linda que você tem… corninho tem sorte de ter uma namorada como você..

Vagner esfregou o cacete na xota dela e começou a penetrar devagar, ela gemia enquanto o cacete dele ia alargando sua bucetinha. Aos poucos ele encaixou todo seu pauzão dentro da bucetinha dela, ela dava um gemidinho manhoso e começou a rebolar devagar na vara dele enquanto ia se acostumando com o tamanho e a grossura dele, e continuava mamando o pau do padrasto, ela so largo o pau do padrasto pra dizer: me fode vai titio, agora pode fuder minha bucetinha…

Vagner nao perdeu tempo e começou o vai e vem na buceta dela, fazendo a putinha gemer demais a cada vez que ele empurrava aquele pauzão no fundo da buceta dela.

Vagner: bucetinha gostosa sobrinha, tao apertadinha, por isso que o mano nao resistiu. Com uma bucetinha dessa dando mole dentro de casa eu tambem ia querer comer todo dia…

Ela: entao fode titio, sou toda de vocês hoje..

E eu ali morrendo de tesão vendo minha gatinha com os dois negões, um na xota e outro na boca. Ela gemia gostoso demais, vagner segurava e cintura dela e socava forte na bucetinha dela, Laura chegava a suar. Nao demorou muito pra ela estar gozando na vara dele também. Ela olhou pra mim dizendo: ai amor, ta gostando de ver dois negões comendo sua putinha? Olha amor eu vou gozar na vara dele amor.. ele fode tão gostoso, tão fundo…

Gozei demais vendo ela gemendo e gozando no cacete do vagner, depois que ela gozou vagner tirou seu cacete e ela ja foi logo sentando no cacete do padrasto, ela cavalgava como uma puta, vagner tentou meter o dedo no cuzinho dela mas ela nao deixou, tadinha, estava com medo dele querer enfiar seu pau enorme no cuzinho quase virgem dela.

Vagner ficou em pé ao lado deles e colocou laura pra mamar seu pau,

Eu nao queria fazer isso então recusei,

Ricardo me chamou para ir pra perto dele e eu fui, ele entao me olhou e disse: ta gostando corno? Porra essa putinha é uma delicia ne.

Ricardo puxou minha namorada pelos cabelos fazendo ela se inclinar pra cima dele e a beijou em seguida disse algo no ouvido dela, ela então voltou a mamar o Vagner e logo deu um sorrisinho safado, pegou minha mão e colocou na vara do Vagner e me disse: sente amor, sente como a vara dele é grossa e dura, ela ta assim por causa da sua namoradinha…

Ela me fez ficar masturbando a rola dele enquanto ela sentava na do seu padrasto. Depois o Vagner se deitou na cama e ela vou cavalgar na vara dele. Ricardo pegou minha mão e mandou eu masturba-lo enquanto assistiamos a Laura cavalgando no pau do Vagner, a safada ta aprendendo direitinho a cavalgar na vara preta, nao demorou muito pra deixar o Vagner doido de tesão rebolando an vara dele.

Vagner: caralho novinha, rebolando assim tu me mata..

Ela: ta gostando safado? Não ta aguentando mais nao é?

Vagner: porra gostoso demais gata, assim eu vou gozar..

Ela: seu cachorro, você que tem um pauzão gostoso… vai gozar vai? Vai, goza pra mim…

Vagner: vou putinha, vem pra eu gozar na tua boquinha….

Ela: aah na boca nao… quero na buceta, quero teu leitinho na minha buceta..

Vagner: porra sua cadela.. quero filho nao..

A safada cavalgando, rebolando e começou a passar a mão nas bolas dele.

Ela: deixa de ser bobo, me da esse leitinho na buceta vai… esvazia seu estoque dentro de mim titio.. o corninho quer ver minha buceta cheia de porra…

Ele nao aguentou mais segurar e jorrou o leite dentro dela, e ela continuava rebolando no pau dele enquanto ele gemia de prazer gozando nela. Depois ela levantou com a buceta escorrendo porra, Ricardo fez ela se deitar de pernas abertas, me puxou e mandou eu chupar e limpar a buceta dela. Tive que lamber a buceta dela cheia da porra quente do Vagner, chupei ate ela gozar na minha boca, em seguida Ricardo me empurrou e meteu seu cacete na buceta dela, ele socava com força chamando ela de gostosa, dizia que ela era a puta dele… e ela so pedia pra ele foder forte a buceta dela e que o cacete dele era maravilhoso.

Ela: fode desgraçado, soca fundo esse cacete em mim.. me faz gozar de novo..

Ricardo: goza minha putinha, goza pro teu negão, mostra como voce gosta de pica preta socando teu útero..

E ela gozou de prazer na vara dele, o suor pingava deles de tão intenso que era o sexo deles.

Ricardo: ai minha putinha, quer tomar mais porra na buceta? Minha gatinha quer mais leite?

Ela: quero papi, quero mais leitinho, me da seu leitinho quente..

Ricardo socou forte e gozou fundo na buceta dela, enquanto ele gozava, eles se agarravam forte e se beijavam, pareciam um casal apaixonados. Quando ele saiu de dentro dela olhou pra mim e disse: ja sabe oque fazer corno…

Fui la e limpei novamente a buceta dela cheia de porra. Mas dessa vez nem aguentei comer ela, eu ja tinha gozado tanto que nem conseguia ficar mais de pau duro.

Ricardo e Vagner sairam pra beber e nos deixaram sozinhos dormindo satisfeitos.

E-mail: [email protected]

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.