O irmão da minha amiga

Olá, me chamo Bruna e tenho 19 anos, sou branquinha, alta, com os olhos verde e cabelo bem comprido, além de ser dona de um corpo de dar inveja, uma bunda bem grande e durinha com a cintura fininha.

Sexshop

Pedro é irmão de uma amiga minha desde a infância, ele é alto também, moreno e bem forte. Ele costumava me “comer com os olhos” quando me via e a tinha cegado algumas vezes em mim, mas nunca tinha ficado com ele.

Como era de costume saia todo final de semana para beber com alguns amigos, e dessa vez fomos a um bar e Pedro também estava lá. E dessa vez não foi diferente, chegou em mim mais uma vez. Ele falou com um amigo em comum nosso e resolvi ficar com ele.

Disk Sexo

Mais tarde alguns dos meus amigos resolveram ir embora e resolvi ficar com outros no bar, de madrugada Pedro veio falar novamente comigo e me chamou para ir embora com ele, acabei aceitando, afinal já era bem tarde e já estava cansada, mas não pensei que houvesse segundas intenções nesse convite, até que vi que tínhamos parado o carro em frente sua casa, me fiz de inocente e perguntei:

– Porque parou aqui Pedro?

– Vou só pegar um casaco e ir no banheiro.

Já sabendo o que ia acontecer pedi para usar o banheiro também. Quando entramos em casa já fomos direto para o quarto e começamos a nos beijar com vontade, Pedro tirou minha roupa todinha e começou a me chupar com uma vontade que é inexplicável, me deixou molhadinha e com muito tesão. Quando peguei em seu pau fiquei assustada, nunca pesei que escondia aquilo tudo em sua cueca, um pau imenso e grosso como nunca tinha visto antes, botei aquele pau gostoso na boca e chupei até sentir ele latejando, Pedro me avisou que ia gozar e perguntou:

– Onde quer que eu goze minha putinha?

Respondi: – Na minha boca para eu poder sentir seu gosto.

E que gozada em! Pedro me chupou novamente e me fez gemer muito e me retorcer de tanto tesão. Ele me fez implorar para meter aquele pau na minha bucetinha com força. Achei que nem fosse entrar, de tão grande que era. Me comeu até me fazer gozar, e como foi bom, ele ia revezando entre estocadas bem fortes e outras mais lentas, arranhei ele todo de tanto tesão que me fez sentir, nunca alguém tinha me feito sentir aquilo.

Mas ainda não estava satisfeita, queria mais, mais daquele pau dentro de mim, sem vergonha nenhuma pedi mais, chupei ele mais uma vez, e ele me chupou de volta, enquanto chupava, ele botava o dedo no meu cuzinho apertadinho, massageava e enfiava me fazendo gemer cada vez mais e pedindo para que me comesse. A segunda vez foi ainda melhor, com mais tesão e mais gozadas. Só paramos quando eu não aguentava mais. Pedro me comeu uma noite inteira e por essa noite fui a mulher mais satisfeita do mundo.

Esse foi o melhor sexo da minha vida e já estou ansiosa para dar para ele novamente, mas da próxima espero que seja ainda melhor que essa se for possível.

Sexo por Telefone

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.