Moto taxista pegou ela depois da faculdade

Olá pessoal, mais uma vez venho contar uma história que ocorreu aqui no bairro, moro no Rio comprido, e lá é como todos sabem, bem perigoso e sempre que dá usamos moto táxi para ir pra casa, muitos deles são piloto de fuga de bandido e etc…
E minha esposa sempre pega moto taxi durante a semana pois ela tem aula até 23 horas da noite e fica complicado subir uma parte da rua, e fora que até chegar lá é muito perigoso, a pé demorava uns 20, 25 minutos. Mas de moto demorava uns 10 no máximo. Minha esposa quase sempre pegava com um cara chamado Éverton, cara de bandido do kct. E apesar da aparência ele era bem educado, sempre quando deixava minha esposa lá em casa, falava comigo cordialmente e tudo mais (eu espero ela na porta nesses dias.) Um dia desses depois de nossa transa matinal, falei com a minha esposa. “Amor, esse rapaz que sempre te traz até que é tranquilo né?” e ela logo respondeu “sim, parece marginal, mas é tranquilo demais” e logo lembrei que ele já tinha feito corrida de graça pois estávamos sem grana e etc e ela lembrou do fato e concordou e eu então, perguntei pra ela se ela topava fazer um agrado nele como recompensa e ela riu e deu um tapa na minha cara de leve “ vc é um corno mesmo, mas já que você quer, vamos unir o útil ao agradável”.
Como era quinta feira, só teria aula só na segunda-feira e então viramos a semana mega apreensivos e fizemos a nossa rotina normal. Fui pro trabalho e depois casa e ela como ainda estava em processo seletivo no trabalho, estava só em casa e depois ia pra faculdade a noite.
No dia da aula, pedi pra ela ir de shortinho e com uma social, mas pedi pra ela que fosse sem sutiã, porém de casaco pra tirar no momento que pegasse a moto com ele. Não deu outra, depois da aula, ela chegou lá, toda tímida com o casaco e pediu a corrida pra ele.
Ele – Olá senhora, senta ai que te levo…
Ela – Ok então, deixa eu tirar meu casaco que esquentou – Ela tirou o casaco e logo de cara ele viu aqueles lindos seios com o bico pontudo aparecendo na social branca, ela disse que no momento que ele viu, os olhos saltaram e ele começou a gaguejar
Então ela sentou na garupa dele, e colou com ele. Ele gaguejando pediu pra ela segurar a bolsa pra não deixar cair nada e ela o fez e disse “vc é sempre tão bonzinho comigo…” e ele respondeu “obrigado senhora”. Ele começou a dirigir a moto e logo parou no sinal, e ai foi o momento que ela começou a atacar. Ela desceu um pouco a mão e deixou a mão no joelho delho, depois que começou a andar ela desceu ainda mais a mão e botou no pau que estava duríssimo.
Ela – Nossa, tem alguém duro aqui…
Everton – Poxa senhora, vc me deixou assim..
Ela – Olha, que tal vc me levar pra onde vc leva essas menininhas do morro hein?
Everton – Que isso senhora, tá falando sério?
Ela – Pareço brincar com isso? – Disse ela massageando o pau dele
Everton – Então bora, mas e seu marido?
Ela – Relaxa, que ele eu engano depois – Não sabia ele que era corno manso…
Então, ele deu meia volta na moto e foi direto para um bordelzinho mixuruca no centro da cidade. Era tão pobre que custava uns 30 reais 4 horas. Chegando no quarto, ele logo empurra ela na cama e começa a beijar ela todinha, dos pés a cabeça e beijou muito a boca dela, depois o cara começou a se despir e botou o cacete na cara dela. Ela se espantou pq era o maior pau que ela já tinha visto, ela muito excitada começou a mamar lindamente nele. Ele então pegou o celular e perguntou “se importa de eu tirar foto e mostrar para meus parceiros? ” ela riu e falou “ok, mas não mostra meu rosto e manda pra mim depois…”… Ele riu e disse “sim, enquanto tiro a foto, vem e mama no meu pau…”
Após ela ter mamado muito no pau dele, ela tirou a roupa e começou a dançar em cima dele, rebolar no pau dele e dizendo coisas como “ quero vê vc me maltratar nessa piroca…” ele então puxou o cabelo dela e deitou ela e começou a estocar a piroca por cima dela, ela gemia bem alto e sempre pedia mais “vai, mete mais seu puto, seu bandido…” e ele metendo muito forte, dando muito tapa na bunda dela. Depois ele vira ela de lado e começa a meter, ela gemia alto demais, a pica do cara era muito grande e ele tinha mãos enormes que davam tapa na bunda dela e pegavam seus lindos seios com muita vontade.
Ela doida pra gozar pedia “mete rápido pra eu gozar, vai, mete…” e então ele aumentou a força e ambos gozaram muito, só que ele preferiu tirar e gozar na boca dela. Logo ele disse, “morena, agora vou gozar na sua buceta, abre ela aqui…” e ela logo disse pra não fazer isso, pois ela toma remédio mas não queria correr o risco de ter um filho fora do casamento. Mas, ele recusou e falou “com bandido não tem essa não, agora senta na minha piroca vadia…”. Ela não sabe o que houve, mas o tesão aumentou e ela começou a quicar forte na piroca dele que gritava “vai puta, tu é muito boa, quica vadia, vc é melhor que essas putinhas do morro”.
Depois de quicar fortemente na pica dele, ele gozou muito na buceta dela, que ardia de tanta piroca que tinha levado. Após isso, ambos trocaram mais alguns beijos e carícias e se arrumaram para ir embora. Mas antes de irem embora, ele pediu pra não falar pra ninguém esse segredo, e ela questionou qual segredo era, e ele comentou em baixo tom que era de fato marginal. Ela não acreditou nisso, mas não ligou pro fato dele ser, já que era somente uma aventura.
Já era 1 hora da manhã e eu estava na porta aguardando ambos, e eles chegaram e o Everton sempre cordial, deu um boa noite pra mim e para minha esposa que retribuiu e disse boa noite. Como se nada tivesse acontecido, ao fechar o portão ela reclama da assadura. Que o cara tinha uma pica muito grande e bem violento, e que erramos ao achar que ele era uma pessoal normal, ele era um marginalzinho, batedor de carteira em praia da zona sul. Porém era um garoto bom.
Eu comecei a escrever esse conto na terça de manhã, pois queria mostrar no site logo, mas não tive tempo e foi melhor, pois ela ontem de noite, na terça feira, subiu com ele denovo e não foram para o abatedouro dela, mas foram para um bequinho e se pegaram muito, ela não deu pra ele, pois ainda estava bem assada, mas mamou muito no cacete do cara…

Sexo por Telefone

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.