Minha Tia Safada me viciou no sexo anal

Ola pessoal, vou relatar para vocês uma Historia que acorreu comigo quando eu tinha uns 19 anos de idade, me chamo João, bem eu tinha um tio irmão da minha mãe que era casado mais tinha uma amante uma loira muito bonita, gostosa, e bem mais nova do que ele, e claro que ela estava com ele por causa do dinheiro, ele alugou uma casa bem próxima da minha casa para ela, como ele era casado rara as vezes que ele passava a noite com ela, ela ficava sozinha, um dia ele pediu à minha mãe se dava para eu dormir lá com ela para ela não ficar sozinha, a casa era de quarto e sala, eu dormia na sala no sofá, ela andava de calcinha, as vezes ate nua, mais eu era muito infantil naquela época, muito preso, e mais virgem nunca tinha transado, meu pinto era pequeno, como e ate hoje, hoje ele mede 14 cm, eu tinha um corpinho lisinho, uma bunda redondinha, era bonitinho, umas pernas bonitas, eu era bem jeito zinho.
Bem eu dormia na sala, um dia eu deitado escutei vozes, escutei ela dizer ele esta dormindo, ela disse entra, de rabo de olho eu vi um mulato bonitão uns 23 anos, fiquei fingindo estar dormindo, eles foram para o quarto e comecei escutar os gemidos dela, nossa ela gemia muito, pedia devagar, esta doendo, eu tentando ver pelo buraco da fechadura mais não dava para ver nada, mais mesmo assim na punhetinha acabei gozando, escutei quando eles terminaram corri para o sofá, vi quando ele passou pelado para o banheiro, nossa que rola, dava duas da minha e grossa, ainda um pouco dura, ela passou logo atrás peladinha, foram tomar banho, e acabaram metendo no banheiro também, pelos gemidos eu ate fiquei imaginando que ele estava comendo o cu dela, pois ela pedia devagar, esta doendo, nossa esta noite foi uma loucura, ele acabou indo embora.
No dia seguinte eu me fiz de bobo e perguntei o meu tio esteve aqui ontem, ela disse não porque, eu respondi, e que eu escutei conversa no seu quarto, parecia que tinha alguém com você, ela disse você estava dormindo como escutou, eu respondi eu acordei com o barulho, ela ficou nervosa, ela sabia que meu tio me colocou ali justamente para ela não receber ninguém, ele tinha um ciume dela danado, o dia passou, quando foi a noite que eu cheguei ela me tratou nossa como um rei, me elogiando, estava com uma roupa bem a vontade, e me perguntou você não vai comentar com o seu tio o que você escutou ontem vai, eu disse não, mais que teve gente aqui eu sei que teve, ela então me disse olha esteve sim, o Armando um amigo meu, se ele vier aqui você vai contar para o seu tio, eu disse acho que não né, ela então me disse se você não contar você não vai se arrepender, eu perguntei porque, ela disse sei lá você pode pedir o que você quiser se eu puder te dou, eu perguntei posso mesmo, ela disse pode, o que seria, eu respondi quando ele vier novamente você deixa a porta aberta para eu ver, ela disse esta bem fazendo sexo anal.
Uns dois dias depois ele apareceu lá, eu deitado, ele entrou ele quis fechar a porta ela disse deixa aberta, ele respondeu e o garoto ai, ela respondeu não tem problema deixa aberta, ficaram pelados e começaram a se chupar, nossa ela chupava a rola dele que nem louca. começara a foder, da onde eu estava dava pra ver bem o tamanho da rola do cara, nossa era grande, em vista da minha, nossa ele metia tudo nela, o gozado que estava me dando mais tesão em ver a rola dele do que a boceta dela, acabei gozando, ele virou ela de bunda para cima e começou tentando meter na bunda dela, nossa ela gemia, gritava baixinho caralho coloca de vagar , esta doendo, e ele bombava aquela bunda nossa ficou um bom tempo metendo na bunda dela ate que gozou, eu acabei gozando de novo só na punheta, que delicia, levantaram foram ao banheiro tomar banho, ele foi embora, ela veio ate mim e perguntou, então gostou, eu respondi que sim, ela então me levou para a cama dela e fez eu chupar a boceta dela, nossa uma novidade para mim, primeiro ver uma boceta de perto, segunda colocar a boca naquilo, mais eu vi o cara fazendo acabei fazendo também, só que a boceta dela estava toda melada de porra, nossa achei o máximo sentir o gosto de porra, e depois pensar que seria a porra do Armando, ela me chamou mandou eu colocar meu pintinho dentro coloquei, nossa que delicia, ela então perguntou gostou de chupar minha boceta cheia de porra, eu respondi que sim, ela disse você chupou a porra do Armando, e gostosa, eu na hora respondi que sim, e acabei gozando dentro dela nossa que delicia, acabamos dormindo, no dia seguinte ele conversou comigo que eu não poderia comentar isso com ninguém, eu disse tudo bem, não vou falar nada, o Armando vinha duas vezes por semana as vezes ate mais.
Quando foi no dia que ele apareceu lá foram para o quarto começaram eu observado os dois, ela deve ter comentado com ele o ocorrido entre nos, e acabou me chamando eu meio sem jeito, fui me chegando, o Armando então me disse você vai ficar de roupa, eu na hora fiquei pelado, ela chupando a rola dele, ele disse vai chupa esta boceta ai vai, eu chupei, ele veio se aproximando começou a me alizar, passou a mão na minha bunda , eu não disse nada eu estava de quatro chupando a boceta dela, ele veio por trás de começou passar a linguá no meu cu, nossa que delicia me arrepiei todo, minha tia se virou fazendo um 69, eu chupava a boceta dela ela chupando o meu pintinho e o Armando explorando o meu cuzinho, nossa que delicia, ele então começou a pincelar o meu cu, passando a cabeça da rola no meu anelzinho, minha tia então falou para o Armando não vai machucar o menino, ele não vai aguentar, o Armando respondeu nossa que delicia este cuzinho, ele tem uma bunda linda, e pegou um creme lambuzou a rola e meu cu, minha Tia disse Armando o garoto não vai aguentar você vai machucar ele, mais ele não parou começou a pincelar e a tentar colocar, na hora em que empurrou a cabeça, nossa que dor eu sai fora ficou doendo, minha tia dizia esta vendo eu disse que ele não iria aguentar, mais não sei como na hora não pensei em nada voltei na posição novamente, lambendo a boceta dela e me abri todo relaxei no que deu, ele pincelou novamente passou mais um pouco de creme e tentou novamente, nossa que dor, mais o tesão parecia ser maior do que a dor, tentei aguentar resisti entrou a metade, minha tia em baixo de mim peguntou então Armando entrou, ele disse entrou que cu apertadinho que delicia, agora quero meter tudo ate o saco, e foi empurrando, nossa parecia que a rola iria sair na boca, foi ate o saco, ele então começou a tirar e colocar nossa que delicia ficou fazendo isso por um bom tempo ate que anunciou que iria gozar, e gozou fundo do meu cu, nossa que delicia aquela coisa quente jorrando dentro, e eu acabei gozando na boca da minha tia, que coisa de louco, nunca pensei que meter assim seria tão bom, ele tirou a rola de dentro eu fui ate o banheiro, mal conseguia lavar estava todo assado, eles ficaram metendo lá, ate que o Armando foi embora, minha tia na maior cara de pau, veio conversar comigo e me perguntou se eu tinha gostado, eu respondi que sim, ela então disse agora temos segredos em comum, eu sei que você gosta de dar o cu, é um segredo nosso, e assim ficou, toda vez que o Armando vinha metia em nos dois, depois ela passou a receber um outro cara, no inicio eu só olhava ate que ele me pois na fita, ela é loira e acabou arrumando um negro, nossa este gostava de meter era insaciável, e também dotado, nossa rasgava mesmo, eu ficava com o cu assado, de tanto ele meter, ele passava quasse a noite toda metendo era muito bom fiquei viciado em dar o cu, hoje sou casado mais ainda assim se rolar oportunidade eu acabo dando bem gostoso. adoro uma sacanagem, chupo faço de tudo, e adoro rola grande grossa, espero que tenham gostado

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail