Minha irmã quis provar minha porra

Esse é mais um conto que venho aqui relatar. Tenho uma família liberal. Na minha casa moramos apenas eu, minha mãe e minha irmã Alice. Sempre ficamos pelados em casa e como minha mãe trabalha, eu e minha irmã ficamos sozinhos o dia todo. Sempre fomos apegados e conversávamos sobre tudo sem frescuras. Eu tenho 1.77, 76kg e sou branco. Tenho uma piroca de tamanho normal, mas que faz um bom serviço. Minha irmã tem a mesma altura, cabelos pretos lisos e também magra. Nesse dia eu tinha ido pra casa da minha namorada, e lá, tranzamos bastante. Nos não usamos camisinha, e sempre acabamos gozando um no outro. Tínhamos acabado de gozar quando a irmã da minha namorada chegou e por pouco não nos pegou no flagra. Vesti minha blusa e bermuda (não isso cueca) e me despedi da minha namorada e fui pra casa. Moramos perto um do outro e em menos de dez minutos eu já estava em casa. Na sala, minha irmã assistia tv nua no sofá. – chegou rápido, pensei q ia demorar mais. – eu também pensei, mas foi bom, se e que me entende kkk Fui tirando minha roupa ali mesmo e quando baixei a bermuda ainda estava com o pau um pouco molhado da buceta da minha namorada, minha irmã viu e riu. – parece q foi bom mesmo, ta com ele todo sujo de porra kkkk – poderia ter sido melhor, não sei tempo dela limpar pq a irmã chegou na hora. – e pq ta sujo assim de porra? -nos fazemos sem camisinha sempre. – e ela chupa vc depois disso ? – sim, pq ? – ela não tem nojo ? -não, ela diz q gosta de porra. – serio? -sim, vc não gosta ? Aquela conversa ja estava me deixando de pau duro e comecei a masturbar ele um pouco enquanto olhava pra minha irmã. – eu nunca deixei meus namorados gozarem na minha boca. – pq? Vc iria gostar, experiente. -e, mas agora não da.- pq? – não tem ninguém pra eu mamar. – ue, não serve eu? – idiota kkkk Ela deu um tapa no meu pau que já estava duro. – e serio, estamos so nos dois aqui e ambos sabemos q não iremos contar a ninguém. – mas… – vc quer experimentar ou não ? – quero Passei o dedo no pau e quando ele ficou molhado deu a ela que lambeu meu dedo. – ta salgadinho. – esse foi do gozo dela. Agora vê do meu. Arregacei a cabeça do pau e cheguei mais perto dela. Ela me segurou pela cintura e colocou meu pau na boca. Aquela boca quente e molhada. Lambia tudo e babava até escorrer. – ahhhh, isso maninha, mama tudo mama. – assim ta bom ? Ele ta bem duro. Vai da leite na boca dessa puta? – vou, continua mamando safada. Ela mamou com mais força e mais rápido como de estivesse com fome. Não demorou até eu gozar. – ta vindo, ahhh bebe tudo. Enchi a boca dela de leite e tirei o pau e fiquei punhetando em seu rosto. Ela ficou toda gozada e ainda voltou pra limpar meu pau. – gostou de tomar a porra do irmão? – quando vc comer duas namorada e ela n te mamar, pode pedir pra mim meu puto. E voltou a mamar meu pau. Continua. se gostaram votem e comentem. Nao adiciono homens. Se alguma mulher quiser conversar sobre oq quiserem, pode me chamar, meu numero do whatsapp esta no perfil, bjs nas bucetas

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.