Fodendo Sogra Gostosa

Mais um belo conto erótico pra galera conferir onde o safado se deu bem e acabou fodendo sogra gostosa e boa de foda, confiram….

LibidGel

Desde o tempo de namoro com minha esposa eu sempre tive tesão pela minha sogra Mara.
Ela é uma morena linda com um corpo bonito, bunda empinada, seios médios, coxas e pernas lindas, uma mulher normal como tantas outras …mas………tem um “fogo” e meu sogro acho que está deixando a desejar.
Nessa época, ela já havia me dado algumas indiretas,dizendo que era muito atlético,educado e eu agradecia sempre, sua filha minha namorada, dizia:

-Mãe, para de encher a bola dele, já é orgulhoso…. imagine vai se achar o máximo né.
Mas na minha cabeça eu não queria tirar os olhos daquela buceta desenhada em suas roupas apertadas.

Sempre com muito tesão por ela, tentei várias vezes espiá-la no banho mas só havia conseguido vê-la de calcinha,chegava em casa me masturbava, pensando nela.

Sexshop

A cada dia meu tesão por ela só aumentava e aquilo me deixava maluco.

Um dia, minha namorada saiu com seu pai para irem ao shopping e eu fiquei sozinho com minha sogra tesuda.

Decidi então arriscar algo, percebi que ela havia saído do banho, cheirosa linda vestida com uma camiseta branca transparente…….

Quando contemplei aquela morena meu caralho endureceu na hora, de repente ela cheia de segundas intenções diz estar “com dor nas costas ” e eu
prontamente ofereci uma massagem, claro, ela topou, sentou no sofá e eu comecei massageá-la nas costas suavemente era minha oportunidade.

Aos poucos fui descendo as mãos e comecei a tocar seus pequenos lindos seios e percebi que ela estava sem sutiã, foi quando percebi o biquinho moreninho daqueles seios bem durinhos que apareciam por cima da camisola.

Continuei a massagem e de repente ela levanta e me convida para continuar a massagem no quarto pois ela tinha um óleo
perfumado e queria massagem em todo corpo, topei na hora.

Ao pegar o óleo ela deita com a bundinha para cima de camisola, tira as alças para o lado deixando de fora toda as suas costas tapando somente a bundinha, então comecei massageá-la com prazer.
Enquanto massageava fui descendo em direção a bundinha cada vez mais perto destapando bem aos pouquinhos, quando vi que ela estava sem calcinha, meu corpo tremeu meu pau duro começou pulsar e ela não reclamou.

Naquele momento minha sogra olha para mim e me pede para massagear suas coxas eu prontamente como genro obediente não questionei e massageava com tesão suas lindas coxas parecia um sonho…

Então decidi arriscar tudo, elogiei seu corpo e ela sorriu, então falei do quanto seria capaz de fazer por uma noite com ela.

Minha sogra com olhar de espanto disse:
-mas você é namorado de minha filha não sei se é correto fazermos algo!

Olhei para ela e disse que mesmo assim sentia muito tesão pelo seu corpo e que faria qualquer coisa,ela me falou que tinha tesão em mim tb, mas tinha medo, então me aproximei e beijei sua boca, ela sussurrou e gemeu baixinho ….. mordi com carinho sua orelha, ela gemeu.

A safada pegou meu pau e me empurra para trás deita-se na cama, comecei a levantar sua camisola …quando vi aquela linda buceta depiladinha morena, com lábios escuros e grelo rosadinho …alí….tudo para mim.

Beijava sua boca ,coloquei sua mão no meu pau duro e bem devagar fui tirando sua camisola enquanto ela massageava bem devagar minha piroca dura como pedra,

quando terminei de tirar sua camisola,disse que queria ver seu corpo, chupei seus seios, ela gemia com muito tesão, enquanto sua bucetinha estava toda molhadinha ,

Ela cheia de tesão com a mãozinha quente massageando meu cacete sussurra em meu ouvido dizendo:
– Coloca dentro ……meu querido há meses que não sei o que é isso,meu marido não me procura mais !!

Ao ouvir essas palavras fiquei mais louco ainda ela abriu bem as pernas e antes de foder minha dorada sogrinha …..chupei aquela buceta deliciosa passando minha língua no grelo rosadinho e chupando seus lábios escuros, era uma boceta gordinha,

ela gemendo baixinho como doida tentando empurrar minha cabeça para dentro da sua xaninha , segurei suas coxas e seu corpo se contorcia,

suas mãos agora agarravam o lençol seu abdômen forçava sua respiração ficou ofegante e com sussurros longos acabou gozando na minha boca, nunca havia sentido o gosto de uma buceta deliciosa

como aquela….a bucetinha tão sonhada da minha sogra…que delicia….. que tesão demais ……

Logo, comecei a meter bem devagar naquela entradinha apertada e quentinha, estava realizando meu maior desejo sexual ao ver aquela buceta se abrindo com meu pau atolado nela.

Empurrei até entrar tudinho, segurei ele lá dentro enquanto ela dava reboladinhas na minha pica endurecida de tesão .

Gostosa, gemia gostoso, e eu acelerando bem devagar até que comecei a meter rapidinho, a vadia gemia…. como uma doida e pedia

mais, então fui por cima fechei suas pernas e meti bem atoladinho, nossa, ela tremia como se nunca tivesse trepado assim….era puro tesão e êxtase ……

Deitei-a de costas e fui por cima, com a bunda empinadinha achei a entradinha da buceta e atolei meu pau, tudo que eu ouvia eram seus gemidos e o barulhinho da buceta molhada:

-Aí gostoso ahhhhhh!!!! delicia ahhhhhhhh!!!!fode ..me fode seu puto …ai ai me fode poe tudo …ai …ai

Então cheia de prazer e louca para gozar de novo ela veio por cima de mim e com cara de safada pegou meu pau e com todo cuidado sentou nele até sentir minhas bolas na bunda e bem devagar ela ficou cavalgando gostoso,

enquanto eu admirava meu pau entrando e saindo daquela buceta maravilhosa passando a mão em sua bundinha, logo ela acelera e começa a remexer meu pau dentro da buceta com violência sentando forte delirando em cima de mim

e sem eu esperar ela solta um gemido de prazer junto com muito gozo da sua bucetinha que apertava meu cacete gozando de novo, foi quando percebi o melzinho dela escorrendo no meu pau que entrava e saia bem devagar de novo.

Peguei meu pau todo lambuzado e encostei a cabecinha na entradinha do cuzinho e aí fui surpreendido pela sogra:

– Só esfrega querido nada mais!!
Sussurrei em seu ouvido:
– Deixa só a cabecinha vai!!

Prontamente ela pegou meu pau e colocou na posição e sentou bem devagar, quando senti que a cabecinha entrou e ai atolei até o final do seu rabinho delicioso não acreditei naquilo era surreal demais para um dia só…

tirei para fora na expectativa de segurar um pouco mais, mas não deu, explodi com o pau pra fora lambuzando de porra sua bunda, buceta e coxas, ela ainda sentou com a buceta em cima dele até amolecer.

Quando relaxamos paramos para analisar o que havíamos feito, sem rancores nem mágoas fumamos e nos beijamos novamente….

ela disse que nunca havia gozado duas vezes e que eu não precisava me
preocupar que podia gozar dentro da buceta sem medo.
Meus amigos, o meu desejo de foder a minha sogra …..se realizara e acabou virando rotina e essa
foi só a nossa primeira vez…com fodas mirabolantes que vou escrevendo a vocês ao decorrer do tempo!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.