Libidgel

Fodendo a filha novinha do meu vizinho

Oi bom meu nome é Henrique tenho 30 anos hoje , sempre tive vontade de relatar o que aconteceu conigo e com a minha vizinha . Isso aconteceu há mais ou menos ums 3 anos atrás, o nome dela é bruna e adora ser chamada de bruninha , ela com apenas 13 aninhos ja tinha um par de seios que cabem certinho dentro da boca e uma bundinha empinadinha ela é branquinha e vive trocando a cor do cabelo adora usar roupas bem curtinhas só pra provocar que olha pra ela percebe que ela tem uma carinha de menina ingênua mas de ingênua nao tem nada . Certo dia estava em casa e a bruninha chegou pra conversar com minha mãe como eu ja estava falando com minha mãe nao sai fique sentado vendo ela chegar e sentar em uma cadeira bem na minha frente , como de custume ela estaca com um shortinho bem curtinho que quase dava pra ver a popinha da bunda dela na mesna hora eu ja fiquei de pau duro ela percebendo o volume na minha calça colocou os pés na cadeira abrindo as pernas bem de frente pra min , eu fiquei louco de tesão , dava ate pra ver o cantinho da bucetinha branquinha dela ela olhava pra min e olhava pra baixo e eu olhava pra bucetinha dela e pra minha mãe pra ver se ela estava notando alguma coisa ( ainda bem que minha mãe nao sacou nada). Depois disso fui pro meu quarto barter uma pensando nela . E fiquei ppensando como fazer pra comer aquela bucetinha da bruninha foi quando lembrei que todo domingo de manhã eu fico sozinho em casa e foi então que resolvi chamar a bruninha la pra casa no outro fim de semana só pra conversar ela aceitou quando ela tocou o interfone eu abri o portão e puxei ela pra dentro pra ninguém ver na hora vi que ela estava com outro shortinho mais curtinho ainda do que o da semana anterio e uma camisa bem folgada que dava pra ver seus peitos ja fique de pauduro na hora, ela veii me peperguntando por que tinha puxado ela e o que eu queria , sem falar nada encostei ela no portão e beijei aquela boquinha linda ela relutou um pouco falo que nao podia que tinha namorado e tal , eu não queira nem saber do namoradinho dela que ja estava virando corno , ja fui colocando a mão dela por cima do meu short pra ela sentir meu pau mas mãos e falei pra ela que desde a senama passada estava de pau duro pensando mela e fui beijando ela novamente reparei que ela nao tirou a mão do meu pau e foi acariciando meu pau que ficava latejando na mão dela , levei ela pra dento do meu quarto e fui tirando a roupa dela ela nao quis de imediato mas quando coloquei a minha mão ma bucetinha dela ela deu um genidinho tao gostoso que eu não acreditei que ia comer aquela novinha ela ja estava com a calcinha molhada, joguei ela na minha cama e fui deitando por cima dela como ela também estava louca de tesão ela foi tirando a roupa e com um ato que eu nem esperava ela pegou meu pau e colou na boca eu me senti nas nunuvens a novinha parecia bem experiente ela cupava minha rola e olhava pra min com uma carinha de menina ingênua e eu quase gosando, quando ela parou de mamar no meu pau eu logo cai de boca ma bucetinha dela ela gemia sem para e pedia rola eu coloquei o pau todo naquela bucetinha apertadinha enquanto ela gemia alto , coloque ela de quatro e chupei a bucetinha dela que estava toda molhada enquanto eu enfiava cada ven mais forte ficava pensando como comer o cuzinho dela , tentei colocar o dedo varias vezes ela tirava minha mão dequela bundinha empinadinha , ela de quatro aquele cuzinho rozinha bem ali na minha frente e eu nao podendo comer , quando voltei a chupar sua bucetinha aproveitei e chupei o cuzinho dela também , parece que foi a senha pra entre ela arepiou interinha e dice que estava gostoso mas que nunca avia dado o cu aquilo me encheu mais de tesão eu estava preste a comer um cuzinho novinho zerado ela de quarto deu uma olhadinha pra traz e me falou que me daria o cuzinho mas só se eu colocase só a cabecinha eu prometi que sim e que ia colocar bem devagarinho e se doesse era só ela pedir pra eu parar , ja com o cuzinho dela bem molhado eu aproxime a cabeça do meu pau na portinha do cuzinho rosinha dela , sem eu enfiar ela ja estava com as perninha tremendo , eu fiz como o prometido e coloquei so a cabecinha o cuzinho da bruninha era tal apertadinho que minha rola nao tava cabendo direito mas como a vontade de comer aquele cuzinho era tão grande que eu forcei ate meu pau entra quando a cabeça encaixou ela deu um grito e logo um gemido e começou a rebolar na minha rola , ela rebolava e meu pau entrava cada vez mais fundo eu sentindo aquele cuzinho gostoso metia bem forte e ela rebolava e gemia . Não deu tempo de tirar o pau do cuzinho dela gosei la dentro enchi o cuzinho da novinha de porra deitamos abraçados e ela toda feliz falou que aquela cuzinho era só meu e que o namorado dela nunca tinha nen tentado chegar perto do cuzinho dela e adorou que eu fui o primeiro a chupar e comer o cuzinho dela … continuamos a nos ves todos os fins de senama ate que un dia sem eu saber ela levou uma outra amiga dela pra ver eu comer o cuzinho dela mas isso vai ficar para meu procimo conto

Aumento Peniano

2 Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.