Festa do trabalho

Olá pessoal, meu nome é Camila, tenho 27 anos, sou morena clara, cabelos longos. Sou casada a quatro anos com Henrique que é 3 anos mais velho.

Sempre adorei me exibir e Henrique é um safadinho e também adora me ver exibindo para as pessoas.

Fomos convidados para uma festa na empresa que Henrique trabalha, ele já tinha se trocado enquanto eu saia do banho ainda nua, ele se aproximou de mim me tocando devagar na cintura o que me fez arrepiar inteira, beijou meu pescoço. “como você é gostosa… “ senti seu cacete duro em minha bunda. “Tenho uma coisa pra você”. Ele voltou com uma caixa me mandando abrir, era um vestido longo, preto, decotado, tinha uma fenda até o meio das coxas. Ele mandou vestir…

Sexshop

Enquanto eu vestia vinha ele punhetando pelo espelho e comecei a ficar com tesão. Vendo ele ali naquela resolvi provoca-lo um pouco mais. “ Esse vestido é lindo, mas essa marca de calcinha incomoda” E tirei a calcinha. Ele novamente me abraça por trás e diz. “tem coragem. Se alguém te chamar pra dançar e te apalpar… “ Ele aperta minha bunda “…vai saber que está sem calcinha” solto um leve gemido e respondo “ O que é que tem?” ele empurra a perna com a fenda para frente. “ Viu da pra ver sua bucetinha “ e realmente dava pra ver no espelho. “ Eu tomo cuidado “ respondo. “ e se ele quiser meter a mão “ A mão dele chega até na bucetinha. “aí amor, será difícil resistir, vou deixar ele colocar os dedos ele tira os dedos melados da minha buceta. “Você é uma puta mesmo” lancei um sorrisinho. “vamos”

Chegando na tal festa, tudo super burguês e chato, conversas sobre o mundo dos negócios nada atrativo, até Lucas chegar já me comendo com os olhos, moreno alto, muito bonito, estava com sua adorável esposa, Letícia, loira linda de olhos claros, estava com uma vestido azul lindo curto. Uma música começa a tocar e meu marido convida Letícia pra dançar que prontamente aceita e eu fui dançar com Lucas.

Música lenta, dançamos sem nada de mais quando vejo meu marido apertando a bunda de Letícia e sorrindo para mim, tive um ciúme confesso mais entrei na brincadeira e virei meu corpo para que Lucas pudesse ver, acho que funcionou pois ele desliza a mão devagar, essa situação começa a me ecitar, finalmente ele alcança a minha bunda por cima do vestido de seda. “Você está sem calcinha? “ Ele diz no meu ouvido e eu penas sorri, minha buceta já tava molhada de tanto tesão. Ele coloca a mão na minha perna pela a fenda. “posso? “ Ele fala no meu ouvido. “Tem muita gente “ mesmo assim ele chega na minha buceta e enfia o dedo nela que entra sem resistência alguma, “aii falo no ouvido dele é ele sorri.

Enquanto dançamos ele me masturba muito gostoso, estava a ponto de gozar, nem me preocupava com as pessoas ao meu redor e eles parecem não ter percebido nada, olhei para meu marido, ele me olhava sorridente, tive segurar o pescoço de Lucas para não cair enquanto gozo em seus dedos.

A música termina e logo estamos novamente a conversar, eu e Letícia vamos ao banheiro, enquanto estou a me molhar em um dos espelhos vejo Leticia se aproximando, ela cola o corpo dela no meu o que de princípio foi estranho. “Vi o que você e meu marido estavam fazendo”. Na hora eu gelei pois não sabia qual seria a reação dela. Ela toca em meus seios. “Você é tão linda, tão puta” e vai com os dedos através da fenda do vestido, estava prestes a ser dedada novamente, podia ver seu rosto safado pelo espelho.

Ela me vira e agora estou de frente para ela sua alcança minha buceta que logo reage, nunca transei com mulheres mas estava louca e me deixando levar, ela puxa o decote fazendo meus seios saltarem e com a voracidade de um bebê os chupava, logo ela estava me masturbando e chupando meus seios, ela foi se abaixando, e começou a chupar minha buceta. “Letícia, as pessoas vão entrar aqui e vai ver” ela coloca o dedo em minha boca me fazendo calar, logo estava gozando na boca dela. Ela levante e me pega pelo pescoço. “Você tem um gosto ótimo. Passe em casa qualquer dia pra gente conversar” dito isso ela sai do banheiro, me recomponho e ela já não mais está, nem Lucas.

Chegando em casa transamos como loucos eu e meu marido com a história que passei…

Até a próxima pessoal

Sexo por Telefone

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.