Eu e a minha esposa numa sauna mista com um casal

Somos um casal já maduro, na casa dos 50 e poucos anos e já vivemos muitas aventuras juntos. Ainda estamos em ótima fase, com boa aparência e vida sexual ativa, mas nada como as que já vivemos.

Sexshop

Estou relatando neste site, aos poucos, estas aventuras e são todas verdadeiras, nada é inventado ou fantasiado. Relato para manter viva a chama do tesão e para que outros casais tenham a coragem de também começar e se deliciar.

Nos outros 3 contos eu disse que não trocávamos de parceiros, mas curtíamos muito ver um casal se bolinando ou mesmo transando. Em nossa época filmamos e fotografamos algumas transas ou situações exibicionistas, nossas e de casais amigos.

Disk Sexo

Um desses casais era amigo de longa data. Ele trabalhava comigo e nunca tínhamos comentado qualquer assunto de fantasias. Sempre saíamos juntos e frequentávamos a casa um do outro.

Numa noite marcamos de sair e vieram novamente em casa. Não tínhamos um local definido para ir e sugeri de brincadeira que fôssemos a uma sauna mista, que eu havia visto na Private, só para ver a reação deles.

Minha esposa e os nossos amigos ficaram curiosos, fizeram algumas perguntas, que eu não soube responder. Se iríamos tirar as roupas um na frente do outro, como eram os vestiários, se a sauna era conjunta, etc.

Eu nunca tinha ido, só conhecia pelo anúncio. As mulheres ficaram assanhadas e curiosas. Resolvemos ir e ver o que dava. Eles não tinham a menor ideia que a gente já conhecia praias de naturismo.

Chegamos na casa e não tínhamos a menor ideia de como funcionava. Nos deram duas chaves e nos indicaram um vestiário unisex para colocarmos roupões de banho.

Quando pensei que as nossas esposas fossem ficar acanhadas, foram as primeiras a tirar as roupas, ficando por um longo tempo sem nada, abrindo os embrulhos com os roupões, sem a menor pressa.

Meu amigo comia a Marcia com os olhos e eu a esposa dele. Eram muito gostosas e tinham mais ou menos o mesmo tipo físico. Ficamos meio excitados com a situação e ainda de cuecas. Tinham outros casais no vestiário, mas ninguém estava ligando um para o outro.

Tiramos as cuecas, as mulheres fizeram um comentário malicioso sobre o nosso estado, colocamos os roupões e fomos para outra sala, onde havia um sofá enorme e redondo.

Sobre o mesmo estava um casal, ele já com uma idade um pouco avançada e ela nitidamente mais nova. Estavam se bolinando e de roupão. De repente a mulher enlouqueceu, tirou a única peça de roupa que vestia, abriu o roupão do cara e começou a chupar o pau dele.

Os outros casais que estavam na sala começaram a se chupar também e a abrir os roupões, inclusive os nossos amigos. A esposa do meu amigo já estava com o cacete dele na boca e mostrava a chupeta que fazia nele para outro casal à sua frente.

A Marcia começou também a alisar o meu pau e eu levantei o roupão dela, mostrando sua bundinha para toda a sala. Ela ficou mais doidona ainda e quase me fez gozar na boca dela.

Ainda não estávamos desinibidos ao ponto de transar ali mesmo e então fomos procurar um local mais reservado. Achamos um vazio e começamos a transar com a porta aberta, como todos os outros faziam.

Nos outros quartos tínhamos visto casais transando, dois homens e uma mulher, duas mulheres e um homem, uma suruba completa e em todos eles gente observando ou se tocando na porta ou vendo nas janelas.

No nosso quarto estava uma delícia, com todos passando e dando uma olhada em nossa transa. Eu estava deitado de barriga para cima e ela sobre mim. Todos tinham a visão dela sendo comida, por trás.

Mudei de posição e comecei a chupa-la (coisa que adora) e quando já se aproximava do orgasmo um cara sozinho entrou no quarto e começou a alisa-la. Acabou o clima na hora e nem terminamos a transa. O cara se desculpou e saiu.

Voltamos à sala coletiva e nossos amigos nos contaram o que tinham feito por lá, mas também tiveram uma decepção na sauna, porque um cara começou a bolinar o meu amigo e ele saiu fora mais que depressa.

Depois desta experiência ficamos mais íntimos deles e aconteceram outros fatos interessantes que contaremos nos próximos contos e relatos.

Sexo por Telefone

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.