Desejo proibido pela mãe

Morava em uma casa pequena de um quarto apenas, morávamos minha mãe e eu, ela já separada há 8 anos e eu tinha 18 pra 19 anos ainda virgem. Minha mãe é uma coroa de 45 anos com seios fartos é uma coroa bem enxuta. Às vezes ela usava uns tops sem sutiã deixando seus seios amostra parte deles, eu ficava igual um tarado admirando aqueles seios enormes bicudos , ela tinha orgulho dos seus seios e certa vez percebeu que seu filho estava admirando seus seios naquele top curto, e parecia gostar de ver seu filho admirando seus seios e cada vez mais usava seus tops sem sutiã provocando seu filho tarado. Até que uma noite, estava eu no quarto quase dormindo e a porta do quarto se abre era minha mãe só de toalha enrolada e percebi que ela iria ficar nuazinha eu fingi que dormia enquanto esperava ela tirar a toalha, e pensei nossa nunca vi uma mulher nua ao vivo e nunca vi uma buceta vai ser agora, a

Sexshop

adrenalina era gigante e quando ela tirou a toalha logo se virou na minha direção logo vi a buceta de uma mulher pela primeira vez, estava vendo a buceta da minha mãe e que buceta ela tem , uma xota muito inchada e peluda, fiquei de pau duro em segundos, estava de pau duro admirando o bucetão da minha mãe, depois daquela madrugada não tirava a imagem da xota da minha mãezinha da cabeça era só pensar que já ficava de pau duro. E uma tarde estava eu dormindo no quarto e acordei e percebi que ela estava no banheiro se arrumando pra sair e eu estava no quarto e fiquei de pau duro e tive a ideia de colocar a cabeça da piroca pra fora do short era um short largo e curto ela pensaria que a cabeça escapou pra fora do short, e deixei o pênis pra fora e fingi que dormia e quando ela entrou no quarto logo viu não acreditava no que via se aproximou e ficou ali admirando aquele pênis enorme do filho e se

aproximou bem de perto e se abaixando pra ver bem de perto ficou ali admirando e ela não parava de olhar e pensei gostou da minha surpresa mãezinha rs. E descobri o caminho pra estigar minha mãe, uma tarde ela descansava no quarto e eu no sofá da sala e tive a ideia de colocar o pênis pra fora de novo e fingi que dormia e quando ela entrou na sala logo viu se aproximou e ficou ali admirando e eu com os olhos entreabertos conseguia ver sua reação ela olhava igual uma tarada muito tempo que não via uma piroca ao vivo, ela era separada há 8 anos e não se envolvia com homem nenhum, e ela gostava de ver o pênis enorme do seu filho e de repente vejo minha mãe levar sua mão até sua buceta e ela começou a alisar sua xota por cima do short , ficou ali acariciando sua buceta enquanto admirava o pênis do seu filho e eu pensei caraca, ela deve estar com a buceta molhadinha que maravilha deixei ela excitada.

Disk Sexo

Uma madrugada como dormíamos na mesma cama e uma noite ela dormia de costas pra mim e eu me aproximei e coloquei a pica pra fora e encostei nela fazendo ela sentir e ela não reagia ficou em choque vendo seu filho roçando a piroca na sua bunda, e aquilo virou um hábito quase todas as madrugadas eu fazia aquilo e uma vez eu coloquei a piroca no meio da sua bunda e fiquei empurrando como se tivesse metendo nela de verdade estava tão gostoso a piroca estava tão dura que empurrava a bunda dela ela sentia a pica do seu filho duríssima na sua bunda, mas talvez ela não sabia como reagir aquilo e deixava , fingia que dormia enquanto seu filho abusava dela , e naquele movimento de ficar empurrando a piroca na sua bunda de repente senti o gozo vindo e pensei caraca vou gozar, e empurrei com força contra sua bunda e soltei aquele jato de gozo na sua bunda, gozei o short que ela dormia todinho, deixei a bunda dela toda gozada e de repente ela sentiu seu short molhado e deduziu caraca ele gozou em

mim. Eu me virei pra dormir e pensei, nossa! Foi a melhor gozada que já dei. E ela percebeu o quanto seu filho era tarado na sua mãe. Ela usava uns shorts apertados sem calcinha marcando toda sua buceta inchada eu pirava , ela sabia que tinha um filho tarado em casa , mas parecia estar se acostumando. Uma madrugada acordei e vi minha mãe dormindo de camisola com a barriga pra cima e pensei será que ela está sem calcinha ? Ai fui com a mão por entre suas pernas e subindo a mão logo senti os pentelhos da sua buceta e pensei nossa ela tá sem calcinha, então continuei e logo estava acariciando aquele xotão da minha mãe, ela certamente estava acordada o quarto estava muito escuro e nem pensei se ela estava dormindo mesmo, era louco de tesão pela minha mãe e nem estava agindo com a razão mais, então comecei a acariciar aquele xotão carnudo e pensei, nossa! Que buceta carnuda ! Ela estava acordada pois se estivesse dormindo e acordasse levaria um susto, mas nem se mexeu, ficou ali quietinha fingindo que dormia enquanto eu sentia a textura daquela buceta inchada, e fui com a mão por baixo da camisola e subi a mão pelo seu corpo até seus seios enormes é acariciando aqueles seios eu disse baixinho pra ela ouvir,” nossa sempre quis tocar neles são muito gostosos “ , voltei pra sua buceta e percebendo que ela estava acordada e deixando, percebi a respiração dela muito ofegante denunciando que estava acordada eu comecei a acariciar sua xota novamente e disse baixinho pra ela ouvir, caraca que buceta gostosa , muito carnuda, deve ser muito gostoso meter nessa buceta , ela ouviu aquilo com certeza e tirei a mão e me virei pra dormir e fiquei sentindo o cheiro da buceta da minha mãe que delícia, a piroca estava tão dura que doía, a vontade era abrir suas pernas e subir por cima dela e fuder aquele xotão com vontade. E uma madrugada acordei e vi minha mãe dormindo de camisola sem calcinha de novo e de costas pra mim eu me aproximei e suspendi devagarinho sua camisola e vi sua bunda ai não pensei duas vezes, coloquei a pica dura pra fora e encostei nela fazendo ela sentir a piroca duríssima na sua bunda e pincelava a pica na sua bunda sentia a pele macia da sua bunda e me posicionei pra encostar na sua buceta e pincelando sua bunda , senti os pentelhos da sua buceta ai fiquei louco e me posicionei pra encostar na sua buceta e dei uma pincelada na sua xota, fazendo ela sentir e se tremer todinha, minha mãe percebeu que seu filho queria meter nela e ela não reagia e pra mim foi um sinal de que ela iria deixar, daí eu dei uma pincelada forte na sua buceta e senti sua racha molhadinha e pensei, nossa! Tá no ponto! Ai me preparei e meti a pica na buceta da minha mãe fazendo ela gemer baixinho e se tremeu toda sentindo a vara do seu filho dentro dela eu gemi alto ahahahah ahahahah e soltei, nossa! Ahahahah que buceta gostosa! E logo estava comendo a tão desejada buceta da minha mãe, comecei a socar devagarinho aquele xotão da minha mãe e ouvi ela gemendo baixinho a cada estocada na sua xota, eu estava delirando de tanto tesão , estava perdendo a virgindade comendo minha a buceta da minha mãe, um verdadeiro sonho , e que buceta gostosa, estava apertadinha, devia ser porque já tinha muitos anos que minha mãe não dava a buceta, eu aproveitei cada segundo metendo numa buceta pela primeira vez e não era qualquer buceta era a buceta da minha mãe que tesão absurdo comer a xota da minha mãe eu dizia baixinho, oh mãe que buceta deliciosa, logo senti o gozo vindo e enfiei fundo na sua buceta fazendo ela gemer e soltei o jato de gozo dentro dela ela se tremeu todinha sentindo o gozo dentro dela e tirei de dentro devagarinho fazendo ela se tremer todinha, e soltei nossa que buceta maravilhosa foi muito gostoso e me virei pra dormir e sem acreditar no que eu tinha conseguido, só pensava, caraca não acredito eu comi a buceta da minha mãe, foi muito gostoso meter no bucetão dela, e passando quase uma hora do feito, acho que minha mãe achando que eu já dormia senti ela se virando na cama e ficando de barriga pra cima e olhei de rabo de olho e vi ela levar sua mão até sua buceta e sentiu sua xota toda gozada e soltou baixinho, caraca ele gozou muito, eu ouvi aquilo e pensei nossa ela realmente tava acordada e deixou eu fuder sua buceta . No dia seguinte acordei ela tinha se levantado da cama e pensei nossa aconteceu mesmo eu comi a buceta da minha mãe, minha piroca ainda estava latejando, perdi a virgindade comendo minha mãezinha que sonho. E quando sai do quarto logo a vi ela logo olhou na direção da minha pica e me deu bom dia com um sorriso irônico e eu respondi e corri pro banheiro e pensei caraca eu comi minha mãe , agora como será nossa relação de mãe e filho ? Uma pergunta que não calava dentro de mim, e quando sai do banheiro ela fingiu que nada tinha acontecido e tentou agir naturalmente. E passando as horas ela não comentou nada e nem insinuou nada e eu pensei olhando pra ela na cozinha, caraca comi sua buceta mãe e foi incrível. Essa foi a história da minha primeira vez com minha mãe.

Sexo por Telefone

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.