Deliciosa Noite de amor com muita sacanagem

Cheguei em casa de cheio de más intenções, passei na farmácia comprei um gel lubrificante a base de água, passei no mercado e comprei um vinho e umas cervejas importadas de boa qualidade.
Tomei um bom banho e fui para a cozinha preparar alguns petiscos para aguardar a Fernanda chegar. Tipo ação contraria, geralmente são elas que fazem isso por nós homens.

Sexshop


Enquanto esperava a Fernanda chegar do trabalho, preparei um banho de banheira com sais de banho bem cheirosos. Assim que adentrou a porta, dei um beijo bem gostoso e tirei as roupas dela ainda na sala, ela queria ir para a cozinha ver a bagunça, mas não deixei a conduzindo até o quarto para que ela relaxasse um pouco. Coloquei velas com aroma no banho, tudo com perfumes suaves.
Assim que ela sentou na banheira com sua bucetinha lisinha, tirei meu roupão e já nú e de pau bem duro, iniciei uma massagem nos ombros dela e ela queria iniciar um assunto de trabalho, a interrompi com um beijo de lingua e a partir dai ela percebeu que a coisa estava esquentando. Ela me puxou pelo pau e aproximando de sua boca, abocanhou com vontade e começou a chupar a cabecinha e de olhos fechados vi que ela estava entregue ao clima.
Ela chupava ora as bolas e ora a cabecinha, me fazendo delirar de tesão. Brincamos pou um tempo na banheiro e partimos para nossa cama, deitei ela na cama e cobrindo seu rosto com a toalha, abri bem suas pernas e comecei dando linguadas de baixo para cima no meio de suas pernas e ela se abria cada vez mais para sentir toda extensão de minha lingua em seu corpo. Ela segurou as pernas abertas e eu entendi o recado me dedicando a dar linguadas em seu cuzinho rosadinho arrancando gemidos e palavras desconexas.

Meti dosis dedos em sua bucetinha já encharcada de gozo e fiz um vai e vem intenso enquanto lambia seu cuzinho. Ela gozou muito e chegou a tremer como num multiplo orgasmo. Assim que meus dedos estavam bem molhados com seu gozo, meti um dedo no cuzinho dela fazendo com que entrasse facilmente, ela estava bem molinha e relaxada. Enfiei mais um dedo e ela aguentou facil, enquanto chupava seu clitoris colocando a boca como se estivesse beijando sua boca. Fernanda rebolava muito e eu enfia va mais fundo os dedos naquele cuzinho rosado, assim que percebi que ela iria gozar, meti o terceiro dedo que entrou facinho e ela gozou tirando minha cabeça de sua bucetinha para que eu parasse de chupar seu grelinho. Tirei os dedos do cuzinho dela bem devagar e a deixei deitada na cama molinha.
Fui até a cozinha abri a garrafa de vinho e voltei com os petiscos, uma taça para ela e uma cerveja para mim. Coloquei a bandeja na cama e acendi uma vela aromática no quarto e deixei as luzes apagada, ficando apenas sob a luz da vela e seu aroma. Assim que bebemos e tomamos nossas bebidas, ela veio para cima de mim para retomar o amorzinho sacana. Ela iniciou chupando meu pau enquanto isso, peguei o lubrificante que estava sobre o criado e ela como uma boa putinha que é entendeu o recado e virou seu rabinho para que eu lubrificasse. passei em sua bundinha um pouco de lubrificante e fiquei brincando com seu cuzinho e ela chupava meu pau com sua boquinha bem molhadinha.
-Enfia o dedinho amor.
-Então toma sua putinha, quer chupar uma rola enquanto leva no cuzinho é?
-Quero sim, adoro chupar e dar o cú, mete dois dedos vai, me arromba bem gostoso vai tesudo.
Meti dois dedos sem dó e ela gemia e mamava como uma cadelinha no cio, gemendo e rebolando.
Coloquie ela de ladinho e encaixei com sua ajuda no cuzinho dela e fui colocando devagar, assim que a cabeça entrou toda, ela jogou seu quadril para trás encaixando tudo no cuzinho e ficou mexendo devagarzinho enquanto eu acariciava sua bucetinha.
-Enfia dois dedos vai amor, mete na minha bucetinha também, vai…
-Voce gosta de ter a buceta e o cuzinho arrombado juntos é safada.
-Huhum, adoro, não para, mete com força nos dois que eu quero gozar.
Meti com tudo e ela gozou como nunca.
Demos um tempo para ela se refazer e eu peguei um tubo de desodorante desses aerosol e coloquei nele duas camisinhas e ela ficou um pouco apreensiva com aquilo e eu disse a ela que era o mesmo tamanho de meu pau e que ela estava acostumada com ele e não seria diferente, mesmo meio apreensiva ela deixou rolar para ver onde isso daria.
Coloquei ela de ladinho novamente e meti em seu cuzinho, como estava arrombadinho, entrou facil. Coloquei o tubo na bucetinha dela e fui metendo bem devagar até entrar a metade, nisso ela gemia alto.
-Nossa, esta me rasgando….
-Quer que eu pare amor?
-Não, está muito gostoso, mete mais rapido.
Aumentei o ritmo e falava besterinhas em seu ouvido.
-Então agora esta com dois paus metendo em voce não é safada?
-Sim, os dois são uma delicia, arromba meu cuzinho safado, é assim que voce gosta, goza nele, vem. Mete em minha buceta também que é uma delicia ter dois paus ao mesmo tempo, nossa porque não provei isso antes amos, está uma delicia.
-Então toma safada, goza no meu pau que eu vou encher seu cuzinho de porra quentinha.
Fernanda rebolou tanto que eu gozei e fiquei sem ação e ela sentou no meu pau meia engorda e continuou socando o tubo na buceta até gozar por mais uma vez e caiu molinha de meu lado com o tubo ainda dentro da buceta.
Tirou bem devagar e me deu um beijo agradecendo pela noite que ela disse ser perfeita.
Nossa cama estava que era suou puro e porra para todo lado.
Descansamos mais um pouco e assim que ela se recompos e eu também, ela ficou de quatro na cama e apenas disse, escolhe onde voce quer meter, sou toda sua sua meu macho gostoso. Estou a sua disposição, me come como quiser. Nisso meu pau endureceu e eu levantei sobre a cama e ordenei que ela abrisse o cuzinho e eu posicionei atras dela e coloquei em sua buceta que estava bem arrombada, visto que ainda não tinha retornado ao estado normal, estava muito dilatada, coloquei no cuzinho dela e bombei até quase gozar e a coloquei sentada na cama e eu de pé em sua frente, gozei seu rostinho angelical todinho e ela lambia a porra que caia sobre sua boquinha.
Voltamos para a banheira e adormecemos por lá moles até a água esfriar um pouco e nos acordar. Dormimos e na manhã seguinte recebi um belo café na cama e a safada veio apenas de aventalzinho, nuazinha em “pelo”, ela depila tudinho, lisinha.Voltamos novamente para a cama e mais uma seção de sexo.

Disk Sexo
Sexo por Telefone

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.