Dando pro vovô

Incrível? Não, verdadeiro! Quando Natália chegou ao sítio do avô (para quem não se recorda, ela e ele já haviam tido tórridos momentos amorosos), não viu o avô em casa. Sua avó lhe disse que ele pegara algumas revistas, uma colcha e falara que iria ler embaixo das árvores. Só que as árvores ficavam um pouco distantes da casa. E ela ficara preocupada.

LibidGel

contos eróticos – Dando pro vovo
– Sabe como é… seu avô é teimoso… por que não ficou aqui na rede da varanda lendo? Tudo aqui é silêncio! Ninguém o perturbaria! Mas não, tinha de ser lá longe! Se ele passar mal, eu não vou poder acudir, não consigo mais andar depressa nessa distância grande. Foi até bom você chegar hoje, Natália, dá um pulo lá e veja como ele está!
– Pode deixar, vó, estou indo! Trarei o vovô na hora do almoço, está bem?
– Está ótimo, minha querida. Vai lá, me ajuda nessa!
Natália olhou o relógio. Eram 9 horas. Ela provavelmente gastaria uns 30 minutos até chegar onde o avô estava. Então teriam duas horas para brincarem, até chegar a hora de levá-lo para o almoço.
Enquanto caminhava, se recordava da primeira vez em que ela e o avô transaram, e das outras vezes em que isso aconteceu. Apesar de o avô não ter mais aquela “rigidez”, compensava com a língua e os dedos, tão grossos quanto o peru dele.
Ao chegar onde ele estava, riu. Entendeu porquê ele tinha ido tão longe da casa. Estava sentado na colcha, pelado, e folheando revistas pornográficas. E claro, com uma das mãos no peru, que já estava bem durinho…
– Mas que velho mais safado! Quem diria!
Assustado, ele fechou a revista e olhou na direção dela. Quando viu que era a neta, esboçou um sorriso e arrumou logo uma boa desculpa para o que estava fazendo.
– É você, minha querida! Que bom que veio! Agora posso deixar a revista de lado. Sabe que fico vendo isso só porque sinto saudades de você, né?
– Toma jeito, vô… imagina se é por isso… tá ficando muito safado!
– É verdade, vem cá, me dá um beijo bem gostoso!
Fazendo cara de brava, ela sentou-se na colcha e eles se deram um beijo demorado. E o avô safado já foi levando a mão até os seios dela, que riu e fingiu que não queria. Mas queria!
Então ela tirou a roupa e ficou de pé com a perereca bem na altura da boca dele, que entendeu o recado, ela queria ser chupada, coisa que ele fazia muito bem, e tratou de fazer logo, pois adorava dar prazer a ela.
E como Natália gemeu com as chupadas que ele lhe deu! E gemeu mais ainda quando aquele dedo grosso dele enfiou-se dentro dela, que loucura que ele lhe proporcionava. Tratou de deitar para fazer um 69 com ele, também adorava o peru do avô, sem ficar totalmente duro, dentro de sua boca, enquanto ele continuava a lhe dar prazer com sua língua na perereca.
Sempre faziam um 69 demorado, e naquela manhã não foi diferente. Foram longos minutos de chupação mutua, até que ela, percebendo que ele não demoraria a gozar, parou e pediu a ele que a comesse. Tinha de ser no tradicional papai e mamãe e lá veio ele pra cima dela. O peru não estava ficando muito rijo, então pararam e ela voltou a fazer um belo boquete nele, até que o viu “aprumado”, então ele voltou a ficar por cima dela e conseguiu dar umas boas bombadas.
Ela se surpreendeu, ele estava demorando mais do que o normal. Tratou de aproveitar! Será que ela conseguiria gozar? Era tão raro! Mas ela não se importava, o importante era o avô conseguir se satisfazer, era o que ela sempre pensava.
Naquela manhã, foi quase! Ela já começava a sentir que iria gozar quando sentiu as golfadas dele dentro dela. Mas ouriçada como estava, continuou o processo, assim que ele saiu de cima dela ela mandou a mão lá e se masturbou até conseguir o gozo, assistido por ele, emocionado!
Ficaram ainda conversando um pouco, fazendo carícias, e quando eram 11:30, se levantaram, se vestiram e voltaram para a casa, onde o almoço os esperava.
Sabendo que ela ia ficar uma semana com eles, ele logo combinou com ela alguns passeios… lá mesmo onde ela o encontrara.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.