Dando o cuzinho pela primeira vez

u estava apaixonada, quando via aquele homem, meu corpo inteiro dava sinal de êxtase. Sim, naquele momento eu nao sabia o que sentia, só sabia que era muito especial. Ele me tratava como uma princesa. Sempre muito educado, brincalhão, adorava me dar presentinhos bobos, como chaveiros, canetas, agenda, livos e eu amava cada besteira, me achava importante e era assim todas as vezes que nos encontravamos.

Sexshop

Um certo dia marcamos de Viajar juntos, vou chamá-lo de JP. Ele era um homem de 30 anos, 1,75 m de altura, malhava muito e era dono de um corpo maravilhoso.

Estavamos apaixonados e encantados um com o outro, então tudo era mel e flores. A viajem foi muito divertida, dormi no se colo enquanto ele dirigia, ganhei cafuné e carinho. Chegamos na cidade e fomos escolher onde ficaríamos. Eramos amantes de Moteis, queriamos conher todos, adorava aquele ambiente, só de estar lá era um puta tesão.

Disk Sexo

Ele pedia sempre a suíte máster. Entramos e era tudo que gostávamos, colchão d’água, cama redonda, luz de néon, cadeira pra sexo, e do lado de fora tinha uma piscina maravilhosa. A cascata artificial deixava o ambiente muito aconchegante. Abrimos umas cervejas, como de custume pedimos a refeição lá mesmo.

Após jantarmos… Fui tomar banho, Nua claro! Nunca fui tímida quando estou envolvida. Sou bem sem vergonha. Ele ficou sentado em uma cadeira ao lado da pisina, bebendo e me admirando.

Estava muito feliz e quiz provoca-lo, era muito boa nisso. Levantei toda molhada, e sentei no seu colo e disse bem manhosa. “Estou com friozinho” ele então acaricio meus seios, e começou a me chupar com a língua…

Comecei a despi-lo.

Tirei a blusa, desabutuei a calça, não tínhamos pressa, fiz um oral nele ainda sentado…Depois de uns minutos… Ele me puxou pela cintura e me sentou novamente no seu colo, só que agora me penetrando, me fez dar varias cavalgadas, sempre fui fogosa rebolei muito, deliciei com aquele sexo.

Ele então disse que amava quando eu deitava de bruços com a perninha pra cima, que essa visão que ele tinha de mim mexendo as pernas para um lado outro dava tenão nele todos os dias, eu toda inocente corri pra cama e disse “assim” e fiquei exatamente com ele disse…

Ele se aproximou deu uns tapinhas na minha bunda, levantou meu quadril. E começou a beijar minha bunda, foi uma caricia alucinante eu nem imaginava o que estava por vim…
De repente seu dedo fazia movimentos circulares no meu cuzinho, comecei a ficar nervosa, mas continuava de quatro, ele abriu a camisinha tirou aquele librificante e melou bem, mas fiquei apavorada… Não estava gostando… E pedi pra ele parar e ele sódizia “Princesinha realiza meu sonho”…. Caralho tô fudida, pensei…

Não consegui relaxar, não tava afim de dar essa poha, filha da puta ia me comer assim mesmo…

Ele se ajeitou e estava com medo e fiz tudo que não devia, trancava, não empinei, caralhooo eu não sabia da o cu. Ele foi me arrombado sem dó e piedade, nada de devagar nada de primeiro a cabecinha, putaaa que pario ele foi com tudo, metendo tudo. Oooo dor!.. Doeu pra caralho, queria chorar, engoli o choro ele deu varias pombadas, doia e eu me fiz de mulher aguentei, até ele gozar… Quando ele acabou estava muito feliz, sorridente safado, e me encheu de beijos, pela sua felicidade eu até rir. Mas estava toda arrombada… Ainda fizemos amor de novo… e de novo, até amanhecer.. Depois disoe ele comeu outras vezes, mas JP era malino e infelizmente pra mim não era nada mel. Ainda bem que seu pau nao era tamanho G Se fosse o estrago seria pior. Mas tivemos muitas transas e fazíamos amor, fora o anal o resto era delicioso….

Sexo por Telefone

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.