Aprendi a dar o cu desde novinha

Vou contar aqui como peguei gosto por dar meu cuzinho, Meu nome eh Ana Flavia mas todos me chamam de Aninha.
Bom tudo começou na minha infancia eu tinha meus 18 anos e ja começava mostrar pelas formas do meu corpo o quanto desejada eu seria, tinha uma bundinha bem redondinha e empinada, peitos durinhos e firmes, cabelos lisos e louros pele branquinha igual leite.
Meus pais trabalhavam o dia inteiro fora e desde criança minha mae sempre me deixava na casa da dona Rosa uma senhora muito querida que sempre cuidou muito bem de mim, dona Rosa era uma Mulher viuva que morava com os Tres filhos, ela dois naturais e outro adotado, Silvionei, Fabio e Samuel. Eu cresci no meio deles nao tinha malicia entao nao havia nada de errado ate entao, com o passar do tempo fomos crescendo e as brincadeiras começaram a ficar mais escassas e diferentes.
Silvionei e Fabio ja estavam com 17 anos e Samuel 18, nos iamos no mesmo colegio e eles cuidavam de mim como irma quando a gente voltava da escola ao meio dia eu ja ia direto pra casa deles pq na minha casa nao havia ninguem, entao eu almoçava e dona Rosa deixava a louça pra eu lavar e os meninos iam fazer outras coisas.
Um dia dona Rosa precisou sair para ir ao banco e falou que logo voltaria, foi ai que minha vida mudou…pra melhor rsrsrs
Eu estava na cozinha acabando o serviço quando o Fabio chegou por tras de mim e assoprou no meu pescoço levei um susto me arrepiei toda, Fabio era mulato, alto, musculoso, cabelo crespo…
Falei:nossa vc quase me matou de susto…ele sorrio apenas!
E disse vamos la na sala ver tv com os outros? Eu sem pensar disse q sim ai ele me pegou no colo e me carregou como se eu nao fosse nada, chegou me colocou bem no meio do sofa grande onde estava Silvionei e Samuel.
Ai começaram a falar bobeiras pra mim tipo se eu ja tinha visto um cacete, se eu me depilava ja, se ja tinha pegado um cacete na mao, se ja tinha feito boquete…essas coisas fiquei toda vermelha mas entrei na conversa foi ai que disse que nunca tinha visto um pau antes, entao o Samuel falou:
O que acha de ver tres de uma so vez…? Eu disse mas sua mae pode chegar, ai o Fabio falo mas vc so vai ver entao nao tem problema…entao disse tudo bem!
Eu fiquei sentada no sofa e os tres ficaram de pe na minha frente, Fabio o mulatinho ja tinha 1,78 de altura o Samuel 1,80 e o Silvionei 1,85 eles tinham uns corpao, Samuel era moreno de pele Branca ja o Silvionei era Loiro.
Ai o Fabio mando eu baixar as calcas uma por uma dos tres fui fazendo e cada calça que baixava era uma surpresa que me deixava boquiaberta! Fabio tinha um cacetao preto muito grosso e comprido que salto da calça e ficou apontando pra mim, Samuel tinha um cacete branco, que quando vai chegando na cabeça da uma engrossada e uma cabecona rosada e por fim o Silvionei aquele me assustou muito alem de grande e grosso era torto pra esquerda…nossa fiquei sem ar vendo aqueles monumentos a minha frente, minha bucetinha ja tava dando sinal la em baixo mas nao quis demonstrar! Entao Silvionei falou:
Aninnha, vai ficar so olhando?
Eu nem consegui dizer nada…
Samuel disse aproveite que estao na sua frente e pegue neles e sinta o peso de um cacete de verdade.
Eu na obediencia comecei a tocar neles eles foram me ensinando a bater punheta pra eles…assim fiquei ali punhetando aqueles caralhoes que nem cabia direito na minha nao.
Mas eles nao estavam satisfeitos queriam mais de mim, enquanto eu estava punhetando Silvionei e o Fabio Samuel segurou meus cabelos e puxou minha cabeça pra perto do seu mastro cabeçudo e disse: Aninha abre a boquinha que o resto eh com a gente eu sem saber o que iam fazer abri minha boquinha e ele sem perder tempo segurou aquela tora e foi socando na minha boquinha.
Meu deus ele me engasgava, enfiava com tudo na minha boca mas nao cabia muito me babava toda e assim comecaram um revezamento frenetico e louco fodiam minha boquinha com violencia batiam com seus pauzoes na minha cara que ficava vermelha…entao ate que Fabio anuncio que iria gozar e socou o caralio na minha boca forçando bem mais do que antes e comecou a soltar jatos de porra na minha guela e eu queria vomitar mas nao podia pq nao podia sujar o tapete da sala entao me obriguei a engolir a porra dos tres…nisso ouvimos dona Rosa chegar com seu fusca velho..entao levantaram suas calćas sentamos normalmente no sofa e ficamos vendo tv.E daquele dia em diante meus dias eram assim,cada vez que dona Rosa se ausentava eles me cercavam e me faziam engolir a porra deles, as vezes com a dona Rosa em casa msm eles so ficavam cuidando a hora que ela virava as costas eles tavam em cima de mim, era na cozinha eu mal conseguia lavar a louça que ja tavam la de pau pra fora pra eu chupa! No caminho da escola ate em casa eles me arrastavam pro mato me faziam chupar antes e depois da aula…
Eu nunca abri minha boca pra falar nada pq eu tava gostando daquilo,foi entao que minha mae chegou um dia em casa e falou pra mim:
Aninha, a partir de amanha vc nao vai mais precisar ficar na casa da Dona Rosa acho que vc ta grandinha ja e pode ficar sozinha em casa e fazer as coisas aqui…eu nao pude questionar e apenas concordei.
No outro dia pela manha acordei normal, meus pais ja haviam saido e pra minha surpresa o tres ja tavam na cozinha me esperando, eu disse:
O que vcs tao fazendo aqui? Como entraram? Entao Fabio Falou:
Esperamos seus pais sairem e entramos o portao tava aberto e a porta destrancada, ja soubemos que nao vai mais ficar la em casa entao viemos ficar com vc aqui…e deram gargalhadas ironicas..

Eu falei: Mas temos que ir pra escola.
Silvionei falou: mas hoje nos nao vamos, vamos passar a manha toda com vc hahahaha
Eu fiquei com pouco de medo mas sabia ja do que se tratava entao eu mesmo ja fui indo ate eles e me ajoelhando ali na cozinha mesmo e ja fui abocanhando um por um dos pintoes…
Eu ainda tava de pijama, começaram a me passar as mao em tudo que era lugar ate chegarem na minha xoxotinha coisa que eles nunca tinha chegado tao longe, comecei a ficar nervosa quando comecaram tiram toda roupa deles…falei pra que tirar toda roupa? Samuel falou:
Pq hj vai ser diferente o negocio vai ser pra valer…kkkk
Ja comecei a pensar mil coisas foi quando mandaram me levantar e me apoiar na mesa, baixaram meu shortinho ate o joelho e logo depois a calcinha….
Fabio comecou lamber meu cuzinho e minha xaninha Samuel e Silvionei vieram pela frente e começaram a fuder minha boca outra vez…ficaram se revezando por mais de meia hora, meu cu e minha buceta era so saliva deles minha camiseta tava encharcada da minha baba que escorria, o chao tambem era so baba minha, entao Silvionei foi ate o armario e pegou o azeite e derrubou um monte sobr e minha bundinha e comeco a esfregar no meu cu, entao enquanto eu chupava dois cacete o que tava atras ia enfiando os dedos no meu cu ate deixar bem laciado,e naquele revezamento ali frenetico entra e sai de dedo no cu e pau na boca Fabio olhou pra eles e disse ta na hora da Aninha vira mulher de vdd, eu com pau na boca nao pude fala nada so ouvi e senti que o fabio se posicionou atras de mim e começou a pincelar aquele monstro preto no meu cuzinho, logo comecou empurar pra dentro aquele pau lambuzado de azeite e baba…eu senti uma sensaçao estranha uma pequena dor e um prazer sentia meu cu sendo dilcerado por aquela tora, Fabio nao tinha muita do de mim ele fodia meu cu com tanta violencia me batia na bunda abria mais meu cu quando tirava o pra fora, colocava pra dentro de novo com toda força, eu so sentia o saco dele batendo na minha xoxota lambusada aquela altura, entao comecaram o troca troca de pau no meu cu, eu so gemia, gemia com aquela fudiçao, comeram meu cu por horas em diversas posicoes, ali na cozinha msm, no chao, de quatro foi a mais usada, enquanto chupava outro socava sem do no meu cu eles nao davam tempo so trocavam de posicao e ja socavam tudo pra dentro, todo tempo eu tava com um pau no cu outro na boca e outro punhetando….ate todos tres gozarem dentro do meu cu…depois disso eles passaram a comer meu cu todos os dias por muito tempo, eu nem me recuperava ja tavam me comendo de novo…foram comendo meu cu so ate eu completar 15 anos foi ai que resolveram comer minha bucetinha mas isso vou contar em outro conto…bjinhos ate mais